NA TERRA – Apagando as luzes

Manter os faróis e as lanternas acesos para mostrar sua localização a outros veículos quando participar de um passeio fora de estrada, é uma prática que deve ser seguida. Isso serve para aumentar a segurança entre os participantes, principalmente se estiverem andando em um lugar com muita poeira.

Mas, fique atento ao atravessar uma lâmina de água mais funda, como uma lagoa ou um rio. Nesse momento, é interessante desligar os faróis, os faróis auxiliares (a não ser que estejam na capota) e as lanternas. É que, como o vidro do farol está quente (e é mantido assim pela luz acesa), se ele entrar em contato com a água fria, poderá trincar em razão da mudança brusca de temperatura. Resultado: pode entrar água, provocar um curto-circuito, deixando a instalação e outros faróis inoperantes, além de estragar o próprio farol.

Assim, desligue-os antes de iniciar a travessia. São necessários poucos segundos para o vidro esfriar, de forma que não tenha mais perigo de trincar. Só não se esqueça de voltar a ligá-los assim que sair da água.

Foto: arquivo do Blog

 

Deixe seu comentário: