Novo Fiat Tipo

Tipo assim…

Depois de ter sido apresentado no Salão de Istambul em maio deste ano, o Novo Fiat Tipo, finalmente, foi apresentado à imprensa internacional e começa a ser vendido na Europa, Oriente Médio e África. “Nascido para ser sedã”, segundo o slogan da fábrica italiana, o novo três volumes resgata o nome de um dos mais populares carros que ela fabricou em quase 2 milhões de unidades: o Tipo.

Aliás, um modelo bem conhecido por aqui também. Foi Importado de 1993 a 1995, quando deixou de ser fabricado na Itália. Nesse mesmo ano, passou a ser produzido aqui e ficou até 1997. Foi um dos carros mais populares de nosso mercado na época. Se deixou mágoas pelos incêndios espontâneos de algumas unidades importadas, também deixou saudades pelo bom espaço interno, preço e economia de combustível.

Agora, metade dos especialistas da área automobilística apostam que esse modelo será o substituto do já antiquado Línea. Tem outra, que diz que não. De qualquer modo, eu aposto na primeira metade, já que a Fiat sempre quis repetir o sucesso do Tempra em nosso mercado, coisa que ela não conseguiu no mesmo nível com os sucessores Marea e Línea. Com o Novo Tipo, carro moderno e feito mirando o mercado global, estaria aí uma boa oportunidade de oferecer um novo produto no Brasil, feito na fábrica da FCA de Goiana, em Pernambuco, onde está sendo produzido o Jeep Renegade e o futuro lançamento, a picape Toro.

151126_Fiat_Tipo_04

Mas, por que o nome de um hatch em um sedã? Simples, além de ter um carro com um nome famoso, ele também representa uma linha como o Tipo tinha. Afinal o Tempra sedã e o Tempra SW, a perua, usavam a mesma plataforma do hatch. Coisa que o novo Tipo vai repetir para ampliar a gama da marca Fiat em todos os mercados.

Desenhado no Centro Stile Fiat e desenvolvido na Turquia, o novo carro, na Itália, é equipado com dois motores: 1.4 a gasolina de 95 cavalos ou 1.6 MultiJet diesel de 120 cavalos. Com 4,54 m de comprimento e 2,65 m de distância entre-eixos, o Novo Tipo tem um bom espaço interno, porta-malas com capacidade de 520 litros e suspensão independente tipo McPherson na frente e com eixo semi-independente na traseira, configuração que se mostrou ideal para o nosso solo. Aqui, o Tipo poderá vir com os motores 1.6 E.torQ de 115/117 cv e o 1.8 E.torQ de 130/132 cavalos, gasolina/etanol respectivamente, dependendo da versão.

151126_Fiat_Tipo_01

Fotos: divulgação Fiat Chrysler Automobiles

 

2 comentários em “Novo Fiat Tipo

    1. Realmente Bernardo, ficou bonito. Mas acho difícil ele vir pelo mesmo preço do antigo.
      Com o dolar do jeito que esta… Abraço

Deixe seu comentário: