De olho no estepe

Hoje em dia é raro ver um pneu furado. Os materiais são confiáveis e as ruas mais limpas. Mas, será que isso não tem feito você se esquecer do estepe?

Mesmo que fique escondido no porta-malas ou debaixo do carro, o pneu precisa de atenção. Calibre com a pressão recomendada no manual pelo menos uma vez por mês e sempre que for viajar. Uma dica: coloque 40 libras. Sempre é mais fácil “tirar” do que “adicionar”.

Outra coisa importante é saber se está no prazo de validade de cinco anos. Confira a data de fabricação na lateral da borracha, um número com quatro dígitos, perto das letras D.O.T. Os dois primeiros representam a semana em que foi fabricado e os outros dois, o ano. Por exemplo: 0313. O 03 representa a 3ª semana do ano, ou seja, entre os dias 14 e 20 de janeiro, e o 13, o ano de 2013. Faça as contas e veja se o pneu ainda pode ser usado.

data validade dos pneus (2)

Parcialmente gasto, ou mesmo sem nunca ter rodado, um pneu com mais de cinco anos pode apresentar diversos problemas, como esfarelar e até causar um grave acidente. Pode ser que isso aconteça exatamente no momento que estiver sendo usado.

Então, não é só porque vai ser usado eventualmente que você deve desconsiderá-lo. Fique atento!

 

Fotos: Emilio Camanzi

Um comentário em “De olho no estepe

  1. Muito importante esse lembrete. Todo o mundo literalmente, esquece do estepe. O tempo passa muito rápido, quando se percebe passaram-se 6 meses, sem ao menos se olhar pro dito cujo. Se o carro é do tipo que o estepe fica “guardado” sob o carro e não dentro do porta-malas, então é pior ainda. Ele pode ter sido roubado há muito tempo e o motorista nem se deu conta. Quanto a validade de 5 anos, poucos se interessam. Preferem na hora de vender o carro, fazer o anuncio ressaltando que “o estepe nunca desceu”, embora o carro tenha 90 mil kms, quase dez anos de uso…e o estepe quase uma farofa.

Deixe seu comentário: