Chave não gosta de tombo

Chave codificada (10)

A grande maioria dos carros atuais possui as chamadas chaves codificadas. Maiores e mais pesadas do que as antigas, acabam tendo uma probabilidade maior de levar algum tombo, por escorregarem com mais facilidade das mãos. E, se estiverem em um chaveiro com mais chaves ainda, esta chance aumenta.

Elas são feitas para suportar quedas, mas tudo tem um limite. Pode ser que caia e não aconteça nada e pode ser que, após a queda, o carro não queria pegar e uma luz amarela apareça acesa no painel. E, pode ser também que, depois de insistir algumas vezes, tudo volte ao normal.

Não se deixe levar pela aparência! Lembre-se que, dentro das chaves, além de um transmissor de radiofrequência para abrir ou fechar as portas, tem um microchip que também pode ter sido danificado na queda. A função dele é enviar sinais de rádio à central eletrônica para possibilitar o funcionamento do motor. Qualquer dano pode impedir a partida e fazer a tal luz amarela, normalmente com o formato de uma chave, ficar acesa. E, mesmo que volte a funcionar, o defeito pode aparecer de novo, a qualquer momento, e não funcionar mais.

Como existe a probabilidade de isto acontecer em algum local ermo ou perigoso, se a luz amarela acendeu e depois apagou, o aconselhável é ir a um chaveiro especializado ou à concessionária para verificar se está tudo bem com a chave. Mas, o melhor mesmo é evitar sua queda!

 

Foto: Emilio Camanzi

 

Para anunciar no Blog, entre em contato conosco através do e-mail carroscomcamanzi@carroscomcamanzi.com.br ou do formulário de contato do site e solicite nosso Mídia Kit.

Inscreva-se e receba nossa newsletter semanal

Seu nome:
E-mail:*
Digite os caracteres que você vê aqui:

5 comentários em “Chave não gosta de tombo

    1. Caro Luiz
      Em princípio nenhum problema, só que não é conveniente, pois pode haver um desgaste prematuro do conjunto de ignição e da própria chave. O correto usar a força necessária só para virar a chave e dar a partida. Um abraço

Deixe seu comentário: