LANÇAMENTO – Um Q3 mais “popular”

Emilio Camanzi, de São Paulo, SP (*)

 

Apesar da crise econômica, o mercado dos SUVs compactos está bombando. E, por isso mesmo, para lançar a linha 2016, a Audi resolveu inventar uma moda interessante para aumentar ainda mais as vendas de seu SUV Premium compacto. O que é? Um Q3, vamos assim dizer, mais “popular”.

20150702_145208

Audi Q3 1.4 TFSI Attraction

Tudo bem, taxar de popular um Audi é quase uma heresia, mesmo porque, os R$127.190,00 do 1.4 TFSI Attraction – a nova versão de entrada do modelo e a grande novidade do lançamento – não são nenhuma pechincha. De qualquer maneira são menos do que os 142 mil que custava o Q3 mais barato e que, assim mesmo, ajudou a emplacar 3.817 unidades no mercado brasileiro no ano passado. Uma alta de 435% em relação a 2013.

Q3_BAIXA-13

A “mágica” para essa redução substancial de preço no modelo de entrada foi oferecer uma versão com motor 1.4 turbo e tirar a tração 20150702_144701permanente nas quatro rodas, deixando-a só nas dianteiras. Mas, para não “popularizar” tanto essa versão, que é considerada mais urbana no conceito da Audi, equipamentos como bancos em couro sintético, ar condicionado, Q3_BAIXA-12computador de bordo, sensores de luz e chuva, volante esportivo com aletas para as trocas de marchas sequenciais e sensores de estacionamento traseiros, são de série. Para quem quiser um pouco mais de luxo com a mesma motorização, tem a opção Ambiente. As versões com motor 2.0 e transmissão quattro continuam e com potência aumentada.

Q3_BAIXA-2Como todas as versões da linha, o novo 1.4 TFSI também tem os retoques no design que foram apresentados no Salão de Detroit, nos Estados Unidos, em janeiro deste ano, mas que só agora chegaram ao Brasil. Uma nova grade e para-choque, faróis mais estreitos com tecnologia xênon plus e que incorporam
PBX_9211também os de neblina, além de luzes diurnas em LEDs, presentes em todas as versões, são as diferenças. Detalhes que deixaram a frente em linha com o atual DNA de estilo da marca. Na traseira as lanternas são iguais, mas ganharam iluminação com LEDs, bem mais visíveis. Internamente ganharam uma nova cobertura do porta-malas, mais prática (agora é retrátil) e acionamento elétrico da tampa nas versões mais sofisticadas. No restante, os modelos 2016 ficaram praticamente iguais aos anteriores.

No quesito segurança, o pacote de série é bom. Além dos cintos de três pontos e apoios de cabeça para os cinco ocupantes, tem airbags frontais, laterais e de cabeça, além de controles eletrônicos de estabilidade e tração. Para completar, assistente de partida em aclives e freio de estacionamento eletromecânico.

Como andam…

Apesar do pessoal da Audi torcer um pouco o nariz quando se fala que os motores são Volkswagen – e eles desatam a mostrar uma série de pequenos detalhes que os diferencia, como a correia dentada revestida com teflon e que dura 120 mil quilômetros – essa verdade não desmerece nem um pouco a qualidade ou o charme típico da marca. É a chamada sinergia, já que a Audi faz parte do grupo Volkswagen. E as “famílias” de motores são utilizadas em todas as marcas que fazem parte desse grupo. Exatamente como acontece em outros. Por isso, o novo Q3 1.4 TFSI usa o mesmo propulsor do Golf 1.4 TFSI que conhecemos.

Q3_BAIXA-11Com 150 cavalos de potência, o 1.4 Attraction se vira bem tanto na cidade quanto na estrada, apesar de sofrer um pouquinho carregado. Mas, os 8,6 segundos que leva para arrancar até os 100 quilômetros por hora e os 204 de máxima, já são números bem adequados para o modelo. O câmbio de dupla embreagem, bem escalonado e de engates rápidos, também é responsável por esse bom desempenho. E o conjunto também permite um consumo bem razoável, com médias de 12,5 km/l, que consegui com facilidade nas estradas paulistas que permitem velocidades de 100 a 120 km/h.

Q3_BAIXA-4Quanto à estabilidade, apesar de ter só tração dianteira e ser alto, ele dá conta do recado, comportando-se praticamente como um sedã A3. Só não gostei da suspensão em pisos irregulares. Para um carro com o aval de SUV e mais alto, ela deveria absorver melhor as imperfeições e ser mais silenciosa. De qualquer maneira, quatro adultos e uma criança viajam bem acomodados e com um bom conforto. Enfim, pode-se afirmar que o Q3 1.4 apresenta um pacote bem equilibrado.

Para os que gostam de mais desempenho – e tem uma conta mais folgada no banco – ele é oferecido também com duas opções de motor 2.0, com 180 ou 220 cavalos, 10 a mais que os anteriores. Todos esses modelos são equipados com câmbio automatizado de dupla embreagem de sete marchas e tração quattro, que distribui o torque individualmente a cada roda de acordo com a necessidade. Um grande aliado da estabilidade, especialmente em pisos escorregadios, o que também permite algumas incursões fora-de-estrada com certa tranquilidade.20150702_145024

Já com o motor de 180 cavalos nota-se uma boa diferença, principalmente, nas acelerações e retomadas de velocidade, que são mais vigorosas (0 a 100 km/h em 7,6 segundos). Com o de 220 cavalos ele se torna um foguetinho terrestre (0 a 100 km/h em 6,4 segundos) capaz de chegar aos 233 por hora!

Em todos, tanto a direção quanto os freios – a disco nas quatro rodas – se mostraram adequados ao desempenho que são capazes.

Bem equipados de série de acordo com a versão e preço (veja todos os detalhes no link Ficha Técnica) ainda tem alguns opcionais interessantes. Como o Audi Drive Select nas versões 2.0 (de série na Ambition) que permite que você regule a resposta do motor, câmbio e suspensão em quatro modos diferentes: Efficiency, onde tudo visa a economia de combustível; Comfort, para o máximo de conforto; Auto, adaptando-se ao seu modo de dirigir; e Dynamic, quando o conjunto todo é voltado para o máximo desempenho. Mas, aqui entre nós: pagar R$10.500,00 para ter um GPS original é um certo exagero, não?

 

Preços:

  • Q3 1.4 Turbo 150 cv Attraction …………….R$ 127.190,00
  • Q3 1.4 Turbo 150 cv Ambiente ……………..R$ 144.190,00
  • Q3 2.0 Turbo 180 cv quattro Attraction ……R$ 145.190,00
  • Q3 2.0 Turbo 180 cv quattro Ambiente …….R$ 165.190,00
  • Q3 2.0 Turbo 220 cv quattro Ambition ……. R$ 190.190,00

 

 

(*) O jornalista viajou a convite da Audi

Fotos: divulgação Audi e Emilio Camanzi

Um comentário em “LANÇAMENTO – Um Q3 mais “popular”

  1. Bacana a jogada da Audi. Atualizaram o modelo, 0 2.0 quattro melhorou o já bom desempenho e aumentaram 3mil (no 2.0 básico).

    O preço é inclusive próximo ao primo pobre Tiguan que já ultrapassa 128mil na tabela com menos equipamentos. A tiguan tem mais 20 cv porém em contrapartida um câmbio pré-histórico que só faz ela beber muito e sofrer no desempenho (a tiguan vai ter dificuldade para acompanhar o q3 180cv).

    Para fechar o caixão da tiguan vem a versão 1.4 que fara o gosto das famílias que usam SUV para cidade e não tem pretensões off-road. O status das 4 argolas falará mais alto do que o 2.0 tsi e o 4motion do primo vw para esse público.

    O valor do GPS original de R$10.500 é realmente puxado, mas para isso aparecerão soluções. Como já em outros modelos da audi é só questão de tempo para aparecer um modulo compátivel com a central que usará GPS iGO ou similar por menos de 1/3 do valor cobrado no original.

Deixe seu comentário: