LANÇAMENTO – Hyundai HB20X 2016

Mas só em novembro.

Agora é a versão com visual aventureiro que ganhou algumas modificações, como já aconteceu com a versão hatch. Nada de muito arrojado, mas o suficiente para inseri-lo na nova identidade visual da marca e diferencia-lo da versão atual. São duas as versões, a Style, com câmbio manual ou automático, e a Premium, só com automático. As vendas só vão começar no mês que vem.

O novo HB20X tem uma nova grade frontal de formato hexagonal exclusiva, com detalhes cromados, além de novos para-choques dianteiro e traseiro. Os faróis de neblina são de série, bem como as novas rodas em liga leve de 16 polegadas. E, na versão mais cara, a Premium, ar-condicionado digital, airbags laterais, retrovisores com rebatimento elétrico e luzes diurnas em LED. Internamente novo tecido de revestimento com gravação em alto relevo e volante em couro perfurado.

Entre os opcionais, pode ter bancos revestidos em couro marrom e sistema blueMedia, que, além da possibilidade de acessar as mídias sociais, pode também espelhar o conteúdo de smartphones na tela de 7 polegadas. Como é compatível com o Car Link, consegue reproduzir e operar, entre outros, o Waze, aplicativo interativo de trânsito e navegação.

A mecânica também recebeu algumas atenções. O motor 1.6 do HB20X, com 122 cavalos com gasolina e 126 com etanol, tem novas velas de ignição de irídio, os pistões e os anéis foram retrabalhados para reduzir o atrito interno e o gerenciamento do alternador foi aprimorado para exigir menos carga do motor em baixas rotações. A mais importante é que ganhou o sistema de partida a frio “e-start” que elimina a necessidade do tanque adicional de gasolina. Como no hatch, o HB20X vem com câmbio de seis marchas, tanto o manual como o automático.

Novidade é a direção elétrica de série, que “rouba” menos potência do motor e é exclusiva dessa versão.

Com esse pacote de modificações, a Hyundai diz que é possível obter até 5,4% de redução no consumo de combustível em relação ao modelo anterior. E a versão passou a ter nota A no Programa Brasileiro de Etiquetagem, tanto com câmbio automático como com o manual.

Além disso, houve uma melhora no desempenho. Com o câmbio manual, apesar do 0 a 100 km/h se manter inalterado nos 9,8 segundos, a velocidade máxima subiu para 183 km/h. No automático, segundo a Hyundai, foi melhor: a máxima aumentou em 6%, passando para 185 km/h, e a aceleração de 0 a 100 km/h diminuiu em 3%, fechando em 11,2 segundos.

Novo HB20X 13 (1840 x 1228)

Para os que curtem uma “estradinha de terra”, a boa notícia é que, com a adoção das rodas de 16 polegadas, a altura do solo passou a ser de 20,6 centímetros, 4,1 a mais que a versão hatch e 1 em relação à versão anterior. Detalhe que permite passar melhor por pequenos obstáculos e enfrentar com mais tranquilidade os buracos, lombadas e valetas de nosso dia a dia na cidade e estradas.

Confira os preços e o que muda em cada uma das versões:

 

Fotos: divulgação Hyundai

 

2 comentários em “LANÇAMENTO – Hyundai HB20X 2016

    1. O Fiesta realmente e mais equipado. Mas o acabamento do Hyundai de uma maneira geral é melhor. Porém concordo com você, não justifica o preço. Abraço

Deixe seu comentário: