SEGREDO – Flagra: Toro na reta final

Está chegando a picape média cabine dupla da Fiat que deverá ser batizada com o nome Toro. Bem possível, já que toro em italiano quer dizer touro e é o símbolo de Turim, a cidade onde nasceu a Fiat. Além de sugerir força, seria uma espécie de homenagem.

Produzida na nova fábrica do grupo em Goiana, Pernambuco, de onde também sai o Jeep Renegade, a picape está praticamente pronta para ser lançada neste segundo semestre de 2015.

Flagramos vários modelos camuflados rodando em testes de durabilidade com carga total pelas ruas de Belo Horizonte. E apesar de esconderem os detalhes, dá para perceber que a picape 226 (numero de código do projeto) será praticamente igual à projeção feita pelo site Autos Segredos (www.autossegredos.com.br). A nova picape foi inspirada no conceito FCC4 apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo o ano passado e, por isso, terá linhas bem arrojadas.

Um sonho antigo da Fiat, que já pensava em um modelo de picape média desde a década de 1990, quando chegou a construir um protótipo derivado do Tempra. De lá para cá, ensaiou uma Strada anabolizada e até uma picape diesel 4×4 feita pela Tata (parceira da Fiat na Índia). Com a chegada do Renegade deu tudo certo. Vão até compartilhar a mesma linha de montagem.

A plataforma é derivada do SUV e a mecânica será a mesma: motores 2.0 Multijet turbo diesel de 170 cavalos, com tração 4×4 Select-Terrain e câmbio automático de 9 marchas, ou o 1.8 E.torQ flex – que deverá ter mais potência que os 130 atuais – com tração dianteira e câmbio manual ou automático de seis marchas.

Derivada do jipinho, suspensão independente nas quatro rodas e uns 5 metros de comprimento, é de se esperar que tenha conforto e espaço de carro de passeio. Além das linhas terá no preço outro atrativo: deverá partir de R$ 70.000 na versão básica com motor flex e chegar a uns R$ 120.000 na turbo diesel completa. Uma gama de preços que a coloca de frente com a Renault Duster Oroch – que também vai ser lançada neste segundo semestre e tem preços previstos entre R$ 65 mil e R$ 75 mil – com as mais caras S10, Ranger, Mitsubishi e companhia.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Fotos: Emilio Camanzi

Projeção: Autos Segredos

7 comentários em “SEGREDO – Flagra: Toro na reta final

  1. Emílio, para não restar dúvidas, quando você menciona “picape média”, esse termo não se referiria às picapes como VW Amarok, Chevrolet S10, Ford Ranger e afins? Fiat Toro e Renault Oroch deveriam ser compactas, já que também é errôneo considerar Strada, Saveiro, Montana etc., como tal, visto que são baseadas em modelos subcompactos.

    1. Caro, tanto a Toro como a Oroch são maiores que as Strada, Saveiro, etc. A plataforma da Oroch é a mesma do Duster que é maior do que a dos compactos. E a da Toro na plataforma do Renegade, que também é maior do que Palio Weekend e cia.
      Abraçõ

  2. Oi Emilio.
    Parabéns pelo site. Fiquei sabendo através do austossegredos.
    Essa discussão de motores poderia ser esclarecida com um matéria apontando a importância da relação peso/torque. Q tal?
    Abs

  3. Bacana Emílio, agora quanto ao motor e-Torq 1.8 será que vão melhorar ele mesmo? Pois já fizeram um retrabalho dele no Renegade melhorando o torque (por mais que não tenha ganho cavalos). Seria interessante uma versão com o 2.4 Multishark usado na Renegade em outros países e que é irmão do 2.4 da Freemont.

Deixe seu comentário: